Produto adicionado com sucesso ao carrinho.

Lançamento do livro "Tomé Bombom" - 2º Encontro de Literatura Infanto-Juvenil da Lusofonia

  • 2016, Feb 18

No próximo dia 26 de fevereiro, pelas 19h, Olinda Beja apresenta o seu mais recente livro “Tomé Bombom”. A apresentação do livro, a cargo de José Fanha, enquadra-se no programa do 2º Encontro de Literatura Infanto –Juvenil da Lusofonia, organizado pela Fundação “O Século” e que terá lugar no Auditório Comendador Rui Nabeiro, entre 22 e 27 de fevereiro. 

“Nesta data, iremos juntar escritores, ilustradores, editores, professores e estudiosos deste tipo de literatura, animadores do livro e da leitura. Sabemos que é fundamental que os meninos dos 4 cantos da lusofonia aprendam a falar de si e entre si através desta ponte que nos une e que é a língua e a literatura em língua portuguesa. Celebraremos, assim, a festa da língua num momento em que todos queremos reforçar os laços da lusofonia, nomeadamente, no campo da Literatura Infanto-Juvenil.

Trata-se de um desafio ambicioso, para o qual estamos certos de poder contar com o apoio a diversos níveis de instituições e empresas com atitudes também ambiciosas e que saibam entender a importância de pôr de pé mais uma forma de dar consistência civilizacional, humana e cultural ao grande desafio que se chama lusofonia. Este encontro reúne agentes da literatura infanto-juvenil de todos os países da Lusofonia, num espaço de intercâmbio de ideias e projetos.

Ao longo do encontro, haverá espaços para debates, apresentações de livros, conversas com autores e artistas, bem como uma feira do livro especializada no tema e exposições de ilustradores portugueses e de brinquedos infantis tradicionais. No último dia do evento estão ainda previstos ateliers de narração, de ilustração e de escrita.

Igualmente, serão organizadas nas escolas de Cascais e concelhos limítrofes sessões com autores. O evento tem como objetivo lançar uma rede lusófona de comunicação entre autores e editores, facilitando a comunicação destes com o público, através do desenvolvimento de uma plataforma web, que se pretende disponível para os cerca de 290 milhões de falantes lusófonos nativos e os cerca de 800 milhões de falantes totais no Mundo.” in, http://lusofonia.oseculo.pt